MinC vai atrás de recursos para estande do Brasil em Veneza

Sonia Racy

28 Dezembro 2018 | 00h40

Definidas as tarefas para a participação do Brasil na Bienal de Veneza, em maio que vem. O MinC – ou a secretaria que o suceder no governo Bolsonaro – tem de ir atrás de R$ 600 mil para organizar o estande brasileiro. A Bienal de SP indica o curador e o comissário do pavilhão, que foi cedido pelo Itamaraty.