Militância firme

Sonia Racy

12 de fevereiro de 2014 | 01h05

Na luta para disputar a reeleição, Eduardo Suplicy foi ovacionado pela militância, anteontem, na festa de 34 anos do PT. Sob gritos de “Suplicy no palco!”, o senador, que assistia ao evento na plateia, foi levado à mesa, observado por Dilma.

Militância 2

Antes da aclamação, Suplicy escrevia mensagem a Emídio de Souza, presidente do PT em SP – questionando o fato de “todos os deputados, senadores e ministros estarem no palco”, menos ele…

Militância 3

Já Haddad foi vaiado pela militância. O coro contra o prefeito – comandado pela Frente de Luta por Moradia – se repetiu três vezes.

Militância 4

Em meio a definições de alianças para a reeleição de Dilma, chamou a atenção a ausência de partidos aliados. Exceção? Renato Rabelo, do PCdoB. Ano passado, compareceram Kassab (PSD), Valdir Raupp (PMDB) e Carlos Lupi (PDT), entre outros.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.