Meu bolso, sua casa

Sonia Racy

08 Maio 2015 | 01h15

Empreiteiros estão nervosos com os atrasos de até 50 dias nos pagamentos do Minha Casa Minha Vida– principalmente as empresas que trabalham na faixa 1 do programa, que é totalmente subsidiada.

Indagado sobre o problema, que ataca justamente o carro-chefe do governo Dilma, o Ministério das Cidades afirma já ter repassado “ao agente operador do fundo, a Caixa, recursos para a quitação do pagamento referente a medições apresentadas e previsão de pagamento até o fim de março”.

As seguintes “serão remetidas nas próximas semanas”.

Meu bolso, sua culpa

Ressalta o ministério também que os recursos “são aportados para o fundo e o repasse à obra é feito pelas instituições financeiras responsáveis pela contratação do empreendimento”.