Metade

Sonia Racy

27 de maio de 2011 | 23h07

Depois de questionar a cobrança de quatro ingressos para assistir a um show, por precisar de maca, a advogada Leide Moreira pagará meia entrada no show de Maria Rita no Citibank Hall, hoje. Ela passou dos 60 anos.

Leide, que tem doença degenerativa, inspirou lei de Mara Gabrilli: garantindo a cobrança de apenas um ingresso para pessoas com deficiência em SP.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.