Memória fraca

Sonia Racy

26 de setembro de 2013 | 01h02

Patrimônio importante para o Brasil, a casa-ateliê do artista plástico D.J. Oliveira, na goiana Luziânia – tombada pelo Iphan –, pede socorro.

Já há até abaixo-assinado de intelectuais do estado endereçado ao governador, Marconi Perillo, pedindo para que interfira.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: