Meio sucesso

Redação

03 de fevereiro de 2009 | 06h00

O cuidado com que o Bradesco divulgou ontem seu balanço, alertando para a piora de quase todos os índices no último trimestre de 2008, tem estratégia clara. Eles sabem – como outros bancos que também virão com bons números – que a pressão para reduzirem o spread será intensificada.

A seu favor, os bancos têm o fato de que hoje, no mundo, só existe banco são e forte ou banco quebrado.
Não há espaço para um meio-termo, como acontece com as indústrias.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.