Mariz não aceita a Defesa

Sonia Racy

05 de maio de 2016 | 20h27

Antonio Cláudio Mariz de Oliveira acaba de comunicar a Michel Temer que não aceitará o convite para assumir o Ministério da Defesa. Explicou ao vice-presidente que tinha, sim, entusiasmo pelo Ministério da Justiça, por sua afinidade intelectual e profissional com a área.

Na Defesa, embora seja uma pasta “de indiscutível importância”, as afinidades “são praticamente inexistentes”.