Mapa da dor

Sonia Racy

11 de maio de 2014 | 01h06

Entre 2000 e 2013 foram registrados mais de 1.700 casos de tráfico de pessoas em todo o Brasil. A maior parte (1.348) diz respeito à “redução de pessoas à condição análoga à de escravo”.

Em seguida vêm “entrega de filho menor a pessoa inidônea”, com 127 registros, e “aliciamento para fins de emigração”, com 100 casos.

Mapa 2

Os dados fazem parte de recente levantamento da Comissão de Direitos Fundamentais do Conselho Nacional do Ministério Público.

A região com maior número de casos é o Sudeste, com 754, seguido por Centro-Oeste (358) e Sul (332).

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: