Mansueto Almeida encomenda estudo sobre imbróglio do setor elétrico

Sonia Racy

05 Dezembro 2018 | 00h55

MANSUETO ALMEIDA. FOTO: FABIO RODRIGUES POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

MANSUETO ALMEIDA. FOTO: FABIO RODRIGUES POZZEBOM/AGÊNCIA BRASIL

Mansueto Almeida, secretário do Tesouro, encomendou estudo sobre o imbróglio do setor elétrico – acompanhado de devido diagnóstico e de sugestão de medidas para facilitar investimentos e reduzir custos no setor, segundo conta fonte.

A informação circulou ontem durante o tradicional almoço anual da Febraban, no Hotel Four Seasons, em SP.

E mais: a decisão de Mansueto de permanecer no futuro governo Bolsonaro foi destaque nas conversas. Elogiada publicamente por Eduardo Guardia e por Ilan Goldfajn.

Livro com propostas da Febraban para baixar os juros e garantir crescimento no País quase foi lançado durante a campanha eleitoral. Com a polarização do pleito e agressividade do PT e dos bolsonaristas, os bancos decidiram deixar para depois da eleição – quem quer que fosse o vencedor.

Leia mais notas da coluna:
TCU tem mais de 200 processos contra a Caixa
Convite de Onyx agrada a tucanos em fim de mandato

Mais conteúdo sobre:

Mansueto Almeida