Mais e menos

Sonia Racy

01 de agosto de 2012 | 01h07

O Palmeiras, que recebeu, segundo Arnaldo Tirone, proposta de mais de R$ 10 milhões do Catar pelo atacante Valdivia, está às voltas com um problema caseiro.

É que o conselheiro Osório Furlan Junior investiu R$ 5 milhões em 2010 para ajudar o Palmeiras a trazer o chileno – e detém 36% de seu passe. Mas o clube quer lhe repassar, agora, somente R$ 1 milhão.

Tendências: