Maia tenta levar a votação, ainda hoje, a dívida dos Estados

Sonia Racy

10 Abril 2017 | 16h32

Está tudo “quase pronto” para a Câmara votar ainda nesta segunda, finalmente, a repactuação das dívidas dos Estados. Quase, porque falta confirmar quorum e pequenos detalhes do texto base.

Rodrigo Maia quer aprovar, porque seu Estado, o Rio de Janeiro, já atendeu a grande parte das exigências do projeto. A bancada mineira não quer, porque tem tudo por fazer nessa área, e ainda sonha com mais concessões federais. Há quem diga que o governo tem maioria, mas ela pode não adiantar na hora de votar emendas.

E o Planalto quer se livrar logo desse tema, porque é pauta negativa e porque tem muito mais coisas a resolver pela frente.