Macaco em loja de louça?

Sonia Racy

30 de junho de 2010 | 06h10

Depois de longa e competente aula sobre a economia brasileira, dada a 48 empresários ligados a comunidade italiana, em São Paulo, o premiê Silvio Berlusconi escorregou feio.

Encerrou sua palestra fechada, segunda à noite, no Terraço Itália, à convite da Câmara Ítalo-Brasileira, anunciando com todas as letras que Dilma está eleita.

E não contente com a colocação politicamente incorreta, e sob olhar constrangido do cônsul-geral Mauro Marsili, emendou: “Depois dela, tenho certeza de que Lula volta”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.