Los hermanos

Sonia Racy

02 de julho de 2014 | 01h06

O clima de provocação entre brasileiros e argentinos, ontem, em Itaquera, foi incentivado até por voluntários da Fifa. Nos megafones, a grito: “Queremos que eles ganhem e cheguem à final para nos enfrentar”. Outros queriam ver os hermanos sofrerem: “Queremos penales, mas emociones”.

Durante a partida, gritos de “pentacampeão” e em alusão aos mil gols de Pelé rivalizavam com cânticos argentinos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: