Livro aberto?

Redação

23 de janeiro de 2010 | 06h04

Fausto De Sanctis pediu ao Conselho Nacional de Justiça que suspenda o sigilo no julgamento da representação disciplinar contra ele.

A decisão depende da conselheira Morgana Richard.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.