Delação da Odebrecht entra no capítulo final

Sonia Racy

24 de novembro de 2016 | 01h00

Emílio Odebrecht acompanhou ontem, de São Paulo, toda a movimentação dos acordos da sua empresa. Deve embarcar hoje para Brasília e encontrar  os 77 funcionários e ex-funcionários do Grupo que fizeram delação premiada coordenados pelo advogado criminalista Theo Dias. E participa da assinatura do  acordo com o MPF — que inclui Suíça, EUA e Brasil.

Valor da multa que a empresa pagará? R$ 2,5 bilhões.

Capítulos finais 2

Com a papelada assinada, a Odebrecht poderá voltar a contratar com o poder público. Antes, porém, vai assumir publicamente a culpa pela adoção de práticas ilícitas e se compromete a, daqui por diante, adotar e manter diretrizes regulares de gestão e de conduta. 

 

Tendências: