Olhos nos olhos

Redação

23 de outubro de 2009 | 11h30

Um dia antes de reafirmar, na Britcham, no Rio, que “gostaria de ver a Vale mais bem administrada”, Eike Batista recebeu para jantar, em sua casa, uma pessoa diretamente ligada à administração da quase-estatal: Roger Agnelli.

Teve “pax” no cardápio?

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: