Bolso próprio

Redação

27 de outubro de 2009 | 08h08

Pelo que se apurou, não terá um só centavo do BNDES o investimento de R$ 11 bilhões que a CSN pretende anunciar em Minas essa semana.

Tudo por causa da briga na justiça entre a CSN e o BNDESpar, em torno de uma operação de debêntures conversíveis em ações.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: