Lavanderia Esporte Clube

Redação

18 de novembro de 2008 | 06h00

Nos próximos dias, o Conselho de Controle das Atividades Financeiras (Coaf) entra em campo para dar um cartão vermelho – ou, pelo menos, tentar – às fraudes nos negócios futebolísticos. Vai remeter ao Grupo de Ação Financeira sobre Lavagem de Dinheiro, o “Coaf europeu”, um documento propondo uma estratégia de combate à lavagem no setor.

O Banco Central também vai contribuir. Ele já aplicou US$ 30 milhões em multas a diversos clubes, por irregularidades cambiais praticadas no vaivém de jogadores do Brasil no exterior.

A decisão de aprofundar as investigações sobre o tema foi tomada em outubro, durante reunião do Gafi no Rio. A sugestão partiu da Holanda e teve apoio imediato de outros países europeus, além do Brasil e da Argentina.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.