Lado a lado

Sonia Racy

07 de novembro de 2012 | 01h30

Roberto Carlos, hoje dirigente na Rússia, participa do Jogo Contra a Pobreza, da ONU. Pilotado por Zidane e Ronaldo, será em dezembro, na Arena do Grêmio.

Romário – que tem se dedicado a criticar a Fifa – deixou as diferenças políticas de lado e decidiu jogar no time do Fenômeno.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.