Kakay aguarda laudo sobre cigarro encontrado na casa de Joice 

Sonia Racy

03 de agosto de 2021 | 00h50

ANTÔNIO CARLOS DE ALMEIDA CASTRO

ANTÔNIO CARLOS DE ALMEIDA CASTRO. FOTO: BETO BARATA/AE

Chega hoje, de Nova York, Antônio Carlos de Almeida Castro – o Kakay – advogado de Joice Hasselmann, para acompanhar de perto a investigação sobre o caso dos ferimentos graves da deputada federal.

Em conversa com a coluna, informou que Joice não mais falará sobre o ocorrido. “Vamos deixar que a investigação criminal policial avance para elucidar os fatos”. Kakay destaca os cigarros Marlboro que apareceram no apartamento da deputada federal em dois momentos diferentes. “Eles não fumam”, observa.

O casal não deu relevância na primeira vez que viu as bitucas, há algo como três meses. Agora, antes da coletiva à imprensa para falar sobre as agressões, Joice foi informada “sobre outra bituca da mesma marca, encontrada debaixo do sofá”.

Segundo Kakay, a bituca foi entregue à polícia. “Espero que o resultado desse laudo saia em breve.”

Fumacê 2

O criminalista comemora o resultado negativo do exame médico, divulgado, anteontem, feito no marido de Joice, Daniel França, mostrando que ele, também médico, não apresenta lesões compatíveis com as de um agressor. “Já esperávamos este resultado”, concluiu.

Divisão do pão

O PSDB vai bater o martelo, até o final de agosto, estipulando o montante disponível para pré-candidatos a presidente, em 2022, custearem a campanha das prévias.

Gente nova

Ana Clara Tito, Sallisa Rosa, Uýra Sodoma e Militina Garcia Serejo são os nomes do projeto Supernova, do MAM Rio, que mapeia as práticas constitutivas da contemporaneidade artística brasileira.

As quatro artistas terão suas primeiras individuais no museu carioca. Além de expor os trabalhos consagrados em coletivas, a ideia é incentivar mostras de novos artistas.

Gente Nova 2

O museu vai comissioná-las para criar obras que dialoguem com a arquitetura do MAM, iniciando uma série de exposições, a partir de outubro.

Tela quente

Sidney Magal, Marina Lima e a instrumentista Maria Ó se apresentam na #Virada SP, que estreia no formato online, sábado. Todos os shows são gravados no Teatro Sérgio Cardoso.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.