Justiça prepara normas para importar mão de obra especializada

Justiça prepara normas para importar mão de obra especializada

Sonia Racy

07 de janeiro de 2020 | 00h19

PASSAPORTES. FOTO: YOUTUBE

 

 

O governo brasileiro se move para atrair mão de obra especializada de outros países. Encarregado da tarefa? O Departamento de Migrações do Ministério da Justiça, que, para a missão, se inspira em programas já existentes em países como Canadá e Austrália.

O pacote inclui a edição de normas para a contratação desses profissionais. “É uma iniciativa muito positiva para os negócios internacionais”, resume Diana Quintas, diretora da Fragomen e da Associação Brasileira de Especialistas em Migração e Mobilidade Internacional (Abemmi), que reúne os especialistas da área no País.

Brasil participa de diálogo
de evangélicos com Israel

A relação entre as igrejas evangélica e Israel será debatida em conferência na Universidade de Haifa, em Israel – e o Brasil vai estar presente. Capitaneado pelo Instituto Brasil-Israel, o seminário acontece nos dias 13, 14 e 15 e terá debatedores de sete países. A lista de brasileiros inclui o psicanalista Christian Dunker, o pastor Henrique Vieira e Omar Thomaz Ribeiro, professor da Unicamp.

Além da conferência, o trio vai encontrar lideranças palestinas e israelenses e integrantes da sociedade civil para discutir iniciativas de paz entre os dois povos e visitar locais como o Museu do Holocausto e um campo de refugiados em Belém.

Governo paulista vai
dizendo adeus ao papel

SP Sem Papel, programa do governo paulista para eliminar documentos impressos, atingiu a marca de 1,5 milhão de processos digitais em 2019. Com isso, evitou imprimir um total de quase 9 milhões de páginas.

Criado pela Prodesp em julho passado, o “Sem Papel” já está funcionando nas 24 secretarias estaduais. Pelas contas do setor, em cinco anos deixarão de ser gastos mais de R$ 5 milhões, fora custos indiretos com transporte, correio e armazenagem.

Corrida no Senado

Início de ano é sempre devagar, mas o Senado já tem pelo menos um “assunto quente” para conversar. É o concurso público que vem por aí e preencherá 40 novas vagas, entre técnicos e advogados. No topo, alguns salários vão passar dos R$ 32 mil.

Varejo na mira

Os empresários Bazinho Ferraz e Britto Jr. acabam de anunciar nova parceria: a BFerraz adquiriu 51% da Score Group. Juntas, as empresas se tornaram responsáveis pela maior operação de retail marketing do Brasil.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: