Just in case

Sonia Racy

29 de novembro de 2012 | 01h50

Os candidatos à presidência da OAB de São Paulo avisam: vão montar QGs para fazer apuração paralela da eleição – que acontece hoje. Motivo?

Querem saber o resultado rapidamente, já que serão usadas cédulas de papel.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.