Juíza de ação contra ex-Dersa marca audiência sem receber denúncia

Sonia Racy

15 Setembro 2018 | 00h55

LAURENCE CASAGRANDE

LAURENCE CASAGRANDE. FOTO: JB NETO/AGÊNCIA ESTADO

A juíza que comanda o processo contra Laurence Casagrande, ex-Dersa, marcou para ontem audiência mesmo antes de receber denúncia. Quando as defesas protestaram, ela manteve a decisão. E marcou para 19 de outubro outra audiência, para ouvir testemunhas de acusação.

Houve novo protesto dos advogados – entendem que a lei não permite audiência antes da segunda defesa. E esta só deve ser apresentada se a denúncia for recebida, o que ainda não ocorreu. “Incrível, não se entende como a autoridade incumbida da aplicação da lei possa praticar atos francamente contrários a ela”, desabafou um dos defensores.

Aliás, os que trabalharam com Casagrande estão indignados – e também assustados – com as acusações contra o ex-Dersa. Considerado competente e sério, o técnico tem a melhor imagem possível entre seus pares.

Leia mais notas na coluna:
Partido Novo estuda pedir impugnação de Haddad
Não pode haver consulta ao TSE sobre Mourão, explica advogado