Inventário de Maria Maluf, que se arrasta há 29 anos, pode ser concluído

Sonia Racy

17 de fevereiro de 2018 | 01h55

 

PAULO MALUF

PAULO MALUF. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Enquanto Paulo Maluf aguarda na Papuda a tentativa dos advogados para mudar de regime de prisão, seus familiares acreditam que aumentou a possibilidade de o inventário de sua mãe – que se arrasta há 29 anos – ser finalmente concluído.

Ele corre na 10.ª Vara da Família em SP. Maluf entrou com processo contra irmã, cunhada e sobrinhas contestando os termos da herança.

Em 2016, só o espólio imobiliário de Maria Estefano Maluf ocupava o terceiro posto no ranking da cidade. Seus 19 imóveis valiam quase R$ 450 milhões.

Leia mais notas da coluna:

Desistência de Huck não surpreende FHC

Caixa vai dividir verba de publicidade, de R$ 300 mi, por três agências

Tendências: