Internautas armam boicote contra supermercado

Sonia Racy

20 Dezembro 2017 | 00h40

Ativistas LGBT e internautas começaram, ontem, campanha de boicote contra os supermercados Hirota.

A rede distribuiu, na semana passada, cartilha dizendo que “o casamento homoafetivo está na contramão do propósito divino” e que “A submissão da esposa a seu marido é sua felicidade e segurança”.

O supermercado se retratou, em nota oficial, afirmando que “em momento algum tivemos a intenção de polemizar, ofender ou discriminar qualquer forma de amor”.

Mesmo assim, nas redes foi criada a hastag #boicotehirota.

Leia mais notas da coluna:

Prefeitura apresenta plano previdenciário sustentável

Jurista estranha demora nas resoluções do TSE