How sweet…

Sonia Racy

10 de abril de 2014 | 01h01

O ladrão que roubou uma clutch Valentino da pernambucana Ju Santos, proprietária da multimarcas Dona Santa | Santo Homem, no black-tie beneficente da amfAR, semana passada, teve crise de consciência.

Deixou iPhone, cartão de crédito, batom e outros itens que estavam na bolsa (que custa cerca de R$ 8 mil) na mesa do jantar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.