Hora de enxugar

Redação

10 de dezembro de 2008 | 06h00

O cineasta Eduardo Coutinho está vivendo a crise do corte. Nada a ver com economia, e sim com a edição de seu novo filme – o ensaio de uma peça de Tchecov.

Missão que ele só não abandonou pelo caminho porque João Moreira Salles insistiu muito e não deixou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: