Hora de correr

Sonia Racy

24 de novembro de 2015 | 02h14

Nem só de encontros empresariais e diplomáticos se fará a visita de Dilma ao Japão na semana que vem. Como Tóquio será a sede da Olimpíada seguinte à do Rio, em 2020, os japoneses já informaram que há muito o que conversar sobre o assunto, desde já.

Correr 2

Enquanto isso, por aqui, a rede hoteleira já fez os cálculos. Se o governo decidir, hoje, pela isenção de visto de turista na Rio 2016, o País recebe cerca de um milhão a mais de visitas ano que vem.