High light

Sonia Racy

23 Maio 2015 | 01h01

O Tribunal de Contas do Município adiou o julgamento sobre a PPP da Iluminação Pública, que aconteceria quarta-feira. Relator do caso, João Antônio,ex-secretário de Haddad, decidiu tirar da pauta a representação de Police Neto, pedindo que ela fosse juntada a outra semelhante, encaminhada por Antonio Donato, presidente da Câmara. A previsão é que a questão seja levada ao plenário na próxima semana.

Embora a PPP sofra questionamentos, a Prefeitura quer disseminar a fórmula pelo País. Wilson Poit, da SPNegócios, dedica horas de seu dia a telefonemas sobre o tema a prefeitos e governadores.