Grupo de apoio

Grupo de apoio

Sonia Racy

13 de outubro de 2013 | 01h07

Foto: Iara Morselli/Estadão

Um grupo de jovens (sete deles posaram para a foto acima) fundou, em 2012, a Arcah – Associação de Resgate à Cidadania por Amor à Humanidade. Principal objetivo? “Recuperar moradores de rua e capacitá-los como mão de obra especializada, proporcionando uma reinserção saudável no mercado de trabalho e também na vida”, explica Filipe Sabara. “Estamos trazendo para o Brasil um modelo inspirado na ONG italiana San Patrignano, responsável pela recuperação de mais de 80 mil pessoas na Europa”, conta Eduarda Derani. “A ideia foi criar uma versão do programa adequada às realidades do nosso país”, completa Gustavo Guzzardi. Terça-feira, no Trivento, a trupe faz seu primeiro jantar-bingo beneficente. Com os recursos, planeja comprar uma fazenda – para instituir os processos de reabilitação.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: