Goes to…

Sonia Racy

10 de setembro de 2015 | 12h30

O longa brasileiro que concorrerá à vaga de melhor filme em língua estrangeira no Oscar 2016 será escolhido hoje por comissão do Ministério da Cultura.

São oito no páreo: A História da Eternidade, de Camilo Cavalcante; Alguém Qualquer, de Tristan Aronovich; Campo de Jogo, de Erik Rocha; Casa Grande, de Fellipe Barbosa; Entrando numa Roubada, de André Moraes; Estrada 47, de Vicente Ferraz; Estranhos, de Paulo Alcantara; e o mais falado, Que horas ela Volta? de Anna Muylaert.

Goes to 2

O Brasil já disputou quatro vezes na categoria.  A última delas, em 1999, com Central do Brasil, de Walter Salles.