Formiguinhas

Sonia Racy

06 de agosto de 2013 | 01h05

Proibidos de entrar em greve, os controladores de voo dos aeroportos brasileiros não conseguiram afetar decolagens ou aterrissagens nesta paralisação da Infraero.

Entretanto, o pessoal que opera os “push-backs” (carrinhos que puxam os aviões) está promovendo operação padrão. Tradução? Atrasos.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: