Foco errado

Sonia Racy

01 de fevereiro de 2012 | 23h09

Na busca por votos, Bruno Covas passou, anteontem, na casa de Mara Gabrilli. Deixou seu cartão com celular.

Reação da deputada: “Pedir para eu votar nele é a mesma coisa que pedir ao Zuzinha (filho de Mario Covas) para votar no Andrea Matarazzo”.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: