“Florais são remédios vivos que fazem florir saúde”, diz alquimista Joel Aleixo

Sonia Racy

09 de maio de 2020 | 00h28

Com a pandemia, as pessoas tendem a se sentir mais ansiosas, depressivas e angustiadas. E muitas buscam práticas naturais para tentar driblar esses efeitos. Para entender melhor como funcionam os florais, a coluna conversou com o alquimista Joel Aleixo, que atua na área da alquimia floral há mais de 30 anos. “Quando manipulamos uma essência floral alquímica, conseguimos trazer a exuberância, força e potencialidade da natureza para o líquido e, consequentemente, para o corpo de quem bebe”, explica ele. Confira a seguir.

Com a pandemia, as pessoas tendem a ficar mais ansiosas, irritadas e depressivas. Como os florais atuam para ajudar a controlar esses sentimentos?
Depressão e ansiedade são sintomas completamente opostos ao que vemos na natureza, que é exuberante em qualquer estação do ano. Quando manipulamos uma essência floral, conseguimos trazer essa exuberância, força e potencialidade da natureza para o líquido, o que chamamos de alquimia floral. A floresta, mesmo vista na TV, remete o nosso cérebro e nosso corpo a lembranças de lugares amplos, abertos e coloridos. E o corpo entende isso, não só vendo e ouvindo a natureza, mas também bebendo.

Pode-se considerar que os florais são remédios para a alma?
As alquimias florais são remédios vivos que podem levar a natureza para dentro de nós. Vemos que os florais fazem florir saúde e cura mesmo num jardim onde a terra não está boa. Um corpo doente precisa ser tratado com uma medicina viva.
Em quanto tempo se nota os resultados do dos florais? Observamos que isso varia de acordo com a idade. Nas crianças, adolescentes e jovens é muito rápida a atuação, em alguns dias já vemos resultados. Em pessoas acima dos 40 anos, com ideias, conceitos, dogmas e crenças já definidos, o efeito leva um pouco mais de tempo.

Existe alguma restrição?
Sempre brinco que os florais alquímicos podem ser tomados desde quando o bebê está na barriga da mãe. Inclusive, temos experiências com pacientes que se tratam há mais de 10 anos. Não há restrições, eles podem ser tomados em todas as idade. Qualquer pessoa pode fazer uso, com a grande vantagem que são essências que não apresentam nenhum tipo de efeito adverso, como a alta dosagem, pois são totalmente naturais. Porém, gestantes, lactantes e quem tenha alguma alergia a plantas, deve consultar seu médico./SOFIA PATSCH

Tudo o que sabemos sobre:

floraisalquimistaJoel Aleixo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.