FHC machuca rosto em tropeção e adia live com Marta Suplicy

Sonia Racy

04 de agosto de 2020 | 00h50

Fernando Henrique Cardoso – Foto: Eduardo Nicolau/Estadão

FHC havia dado um tempo na participação em lives mas aceitou convite de Marta Suplicy para entrar ao vivo em conversa amanhã no online.

Não vai dar. O ex-presidente caiu na rua no fim de semana e, apesar de não ter tido fratura ou algo mais sério, o tropeção deixou hematomas na… face.

A ex-prefeita combinou de remarcar a conversa. Indagada sobre a eleição paulistana, ponderou à coluna que “continua trabalhando por uma coligação que venha a representar maior amplitude entre as forças democráticas”.

Ao que tudo indica, isso passa hoje pela busca de sintonia entre PSDB, DEM, MDB e Solidariedade em torno de Bruno Covas. Seria uma frente às candidaturas que pretendem apoio dos bolsonaristas, seja no primeiro ou segundo turno.

Valuation

Vai ficar mais claro, o valor da Elo. Seus sócios se entenderam e a empresa de capital fechado ruma para uma abertura de capital.

A Caixa, uma das sócias, pretende fazer o mesmo com a Caixa Cartões.

Efeito direto

Pois é, a reação à pandemia resultou em fatos como o aumento drástico de… suplementos alimentares: nada menos que 48% no Brasil. A pesquisa de mercado ABIAD, realizada pela Toledo & Associados, também mostrou que 71% dos entrevistados consultaram um médico. E 24% procuraram um nutricionista.

Deu mal

A estreia da série Hebe, na Globo, desagradou alguns. Além do filho, Marcelo, que tampouco gostou do filme sobre a vida da mãe, agora é Lélia Ravagnani, filha de Lélio Ravagnani, quem reclama: “Inventaram uma história de álcool, brigas por narcisismo, machismo… Muita gente que os conhecia se revoltou”, postou, no Facebook.

Deu mal 2

E Eugenia Fleury, estilista, responsável por alguns figurinos da apresentadora, atira: “Nunca vi isso de bebida, jogar microfone no chão”, disse, referindo-se a uma das cenas da produção.

Ócio criativo

Tom Zé usou o isolamento social para criar músicas inéditas do musical Língua Brasileira, com direção de Felipe Hirsch.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: