Fênix

Sonia Racy

15 de dezembro de 2011 | 23h10

Orlando Silva abriu espaço no silêncio adotado desde sua saída do governo Dilma para admitir à coluna que sairá candidato a vereador de São Paulo pelo PC do B. “Pouco para mim? Não, será minha primeira disputa eleitoral”, justifica o ex-ministro.

E fez um aceno: “Se eu tivesse um cabo eleitoral como o Lula, sairia até para presidente”.

Alô, alô, Lula?

Fênix 2

Time que não joga não tem torcida. Com este argumento, Silva garante que Netinho de Paula não se coligará no primeiro turno. “Se estão de olho no nosso tempo de TV, nós estamos no deles.”

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.