Fazendo 2

Sonia Racy

27 de setembro de 2011 | 23h09

Do total, R$ 2 milhões se referem a danos morais. Na notificação de julho, a justificativa: “com essas atribuições (a mais), o reclamante vivia quase como um escravo, sem tempo para ficar com a sua família, para o lazer, para cuidar da saúde, para praticar esportes, para participar de comemorações familiares, pois sempre extrapolava as 44h de jornada prevista constitucionalmente”.

Se a moda pega…

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: