Faturando

Sonia Racy

12 de janeiro de 2014 | 01h03

O CNJ inicia ofensiva na internet para acabar com a prática do “valor mínimo” por parte das lojas quando o consumidor paga com cartão de crédito. O conselho pretende usar as redes sociais para democratizar certas leis que são descumpridas cotidianamente no País.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.