Farol de SP é rápido demais para idosos, diz estudo

Sonia Racy

04 Maio 2017 | 00h45

Os semáforos de São Paulo não são compatíveis com o ritmo dos idosos para atravessar ruas. Pesquisa da Faculdade de Saúde Pública da USP constatou que a velocidade média de paulistanos acima dos 60 anos, ao cruzar uma rua, é de 2,7 km /hora – mas os sinais de travessia da capital funcionam com base em 4,3 km/hora.

Do estudo, feito com apoio da Fapesp, participaram 1.161 idosos – que, com frequência,  viam o vermelho piscar antes de alcançar a calçada oposta.

Farol rápido 2 

Segundo a professora Etienne Duim, que publicou a pesquisa no Journal of Transport & Health, além de a velocidade não ser a adequada é preciso levar em conta o aumento de população nessa faixa etária no País.

E o pesquisador José Leopoldo Antunes levanta outro problema: a rapidez dos faróis leva muita gente de terceira idade a ficar confinada em casa.

Nos contatos entre Doria e Matarazzo,
as presenças de Alckmin e Kassab

Começaram bem antes os movimentos para a reaproximação entre João Doria e Andrea Matarazzo, formalizada em almoço dos dois ontem, na Prefeitura.
O primeiro encontro ocorreu há mais de 15 dias. Quando conversaram acompanhados de Geraldo Alckmin e Gilberto Kassab.

João, Bill e Michael em NY

João Doria vai manter o ritmo de trabalho de São Paulo – das 7h30 às 22h – em Nova York. Além de receber o prêmio “Person of the Year”, ele tem encontro marcado com o prefeito novaiorquino, Bill de Blasio, e com seu antecessor, Michael Bloomberg – que o tucano diz ser sua grande inspiração.

O prefeito fica em NY entre os dias 8 e 12 e visitará o centro operacional de controle da Prefeitura de NY.

Para a próxima

Não vai ser agora que as divas do empoderamento feminino Meryl Streep e Robin Wright virão ao Brasil.

O encontro seria no dia 29, no Teatro Santander, mas imprevistos nas agendas inviabilizaram essa data.

Centrais programam
vigília contra reformas 

As centrais sindicais reúnem-se hoje em SP para anunciar o “Ocupa Brasília” – uma vigília no Congresso, entre 15 e 19 de maio, sindicalistas farão vigília no Congresso contra as reformas do governo Temer.

Mostra na Arte Sacra
para os 10 anos de dom Odilo

A vida de antigos mestres cristãos, contada em 45 obras — entre esculturas, pinturas e objetos –, compõe nova mostra que marcará os 10 anos do arcebispado do cardeal Dom Odilo Scherer em São Paulo.

Doutores e Doutoras da Igreja, com curadoria de Marcos Dias e Vanessa Bortulucce, estará no Museu de Arte Sacra, de dia 7 de maio a 2 de julho.