Executivo produz azeite orgânico premium no sítio do avô

Executivo produz azeite orgânico premium no sítio do avô

Sonia Racy

24 de setembro de 2017 | 00h51

RENATO BICUDO

RENATO BICUDO. IARA MORSELLI/ESTADÃO

“Sou executivo durante o dia e produtor orgânico no tempo livre.” É assim que se define Renato Bicudo, dono do sítio Campos de Oliva, que produz um azeite premium na região da Serra da Mantiqueira. Com a atividade, ele realiza um projeto que já foi de seu avô, que comprou a propriedade em 1938 e chegou a plantar algumas mudas na década de 1960. A primeira safra de Bicudo veio cinco anos após o começo da plantação: apenas cinco litros de azeite. Atualmente, a safra rende 150 litros, produzidos com base em princípios da agricultura biodinâmica. “O resultado é um azeite excepcional, todo vendido pelo boca a boca.” A estratégia se mostrou eficiente: a produção de 2018 já está comprometida.

Leia mais notas da coluna:

Fim do horário de verão deve ter impacto positivo para iniciativa privada

Embaixadores muçulmanos pedem combate à islamofobia

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: