Eu e minha rua

Sonia Racy

04 de novembro de 2015 | 01h22

A inglesa Streetwise Opera, que busca inclusão de moradores de rua pela arte, distribuiu ontem entre vários desses grupos, em SP, 50 câmeras fotográficas. E deu 48 horas para que produzissem imagens de seu dia a dia.

As 13 melhores comporão um calendário de 2016 – a seleção será feita no sábado, e a renda da venda dos calendários retornará para os moradores.

Minha rua… 2

Suplicy, que vem acompanhando tudo de perto, esteve ontem no Viaduto do Glicério para falar com alguns deles a respeito da iniciativa – que se inspira no Café Art, ideia premiada da Streetwise.

O projeto culminará com a apresentação do calendário, em dezembro, durante o Festival dos Direitos Humanos.