Estranha, a política

Sonia Racy

21 de dezembro de 2010 | 23h05

Mesmo bem cotado dentro do PSDB e queridinho de Alckmin, o vereador Floriano Pesaro deve ser preterido na pasta da Assistência Social. Para acomodar aliados na barganha política da Assembleia Legislativa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: