Estilo oriental

Estilo oriental

Sonia Racy

28 Dezembro 2014 | 01h10

Foto: Iara Morselli/Estadão

Maria Sanz é capixaba e dona de uma marca dedicada 100% aos quimonos. “Sou designer gráfica e apaixonada por estampas e conforto. Desse combo nasceu minha marca”, conta. “Os quimonos podem ser usados como camisolas, para ficar em casa com estilo, e até como vestidos, em festas e casamentos”, continua ela, que, apesar de ter os olhos puxados, não é mestiça. “Cresci com a imagem de uma mulher superpoderosa e, na minha imaginação, ela vestia quimono. Fui para Tóquio entender a cultura das gueixas e aplicar em minhas criações. No Japão, a vestimenta transmite tradição familiar, feminilidade e é sinônimo de celebrações e casamentos.” Sua base é no Espírito Santo, mas seus quimonos podem ser encontrados em e-commerces de todo o Brasil.