Estátua da Liberdade

Sonia Racy

25 de setembro de 2012 | 01h03

A exemplo de outras agendas no exterior, Dilma quebrou o protocolo em busca de um momento para chamar de seu em NY. A presidente dispensou ministros, domingo, entrou no carro com sua filha e saltou dois quarteirões depois, avisando que iria a pé.

Acabou na FAO Schwarz, na 5ª Avenida, de onde saiu com presente para seu netinho.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.