Esquerda, volver

Sonia Racy

13 de outubro de 2015 | 01h18

Carlos Siqueira, presidente do PSB, trabalha para que a reunião da Executiva do partido, amanhã, defina uma oposição ao PT alguns graus mais à esquerda, distanciando-se da que faz o PSDB. Atacando o que chama de “bolsa empresário” – os empréstimos de bancos oficiais a alguns setores da economia –, e a “bolsa banqueiro”, o custo da política de juros.

Sobre impeachment, o que a cúpula do partido defende é que se mantenha a avaliação de recente encontro da direção, em Brasília: ele não é uma bandeira do partido, mas um recurso nas mãos da sociedade. Ou seja, o partido pode, eventualmente, votar a favor.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.