Entre sem bater

Redação

20 de março de 2009 | 06h00

A Receita Federal tenta há dois anos comprar 37 scanners para controlar alfândegas e contêineres em todo o País, mas uma pequena empresa está conseguindo barrar a licitação.

Alegando falta de tempo para juntar a papelada, a MRA conseguiu uma liminar e não parece ter pressa de juntá-la.
Ao que se conta, a empresa jamais vendeu um único scanner e não tem nem 1% do capital exigido para o caso.

Hoje, a Receita não controla nem 5% do que entra no País.

Leia outras notas no blog da coluna Direto da Fonte

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.