Entidades médicas brigam por saída de Barros

Entidades médicas brigam por saída de Barros

Sonia Racy

27 Julho 2017 | 00h55

RICARDO BARROS

RICARDO BARROS. FOTO: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO

Federações, associações e sindicatos de médicos resolveram aderir ao “Movimento Fora Barros” e organizam protestos para derrubar o ministro da Saúde.

Já há atos confirmados para o dia 3 em Brasília, Rio, São Paulo, Curitiba e Manaus. Segundo a AMB, as manifestações estão sendo organizadas por meio de quase 200 grupos de WhatsApp.

Lincoln Ferreira, presidente da AMMG, explica: a reação da classe médica “encontrou amparo nas instituições”.