Empresa de calçado foca nas vendas digitais

Empresa de calçado foca nas vendas digitais

Sonia Racy

10 de março de 2019 | 00h32

EDUARDO GLITZ, MARCELO MAISONNAVE, MATHEUS SCHAUMLOFFEL E PEDRO ENGLERT. FOTO: VICTOR AFFARO

EDUARDO GLITZ, MARCELO MAISONNAVE, MATHEUS SCHAUMLOFFEL E PEDRO ENGLERT. FOTO: VICTOR AFFARO

Os sócios Eduardo Glitz, Marcelo Maisonnave, Matheus Schaumloffel e Pedro Englert, todos oriundos da XP investimentos, aplicaram sua expertise da área econômica no investimento em cinco fintechs e na StartSe – empresa de educação continuada que conecta a velha economia à nova. Agora, levam esses conceitos para um dos setores mais tradicionais da indústria, o calçadista. Assim nasceu a Yuool, marca de tênis sem gênero, com vendas 100% via digital. “Somos uma startup de varejo. Uma empresa 100% verticalizada, pois produzimos e vendemos, e é isto que permite  entregar ao cliente um produto de tanta qualidade a um preço acessível”, explica Eduardo Glitz. Novidade nesse mercado? “Há uma tendência no mundo de uso de lã da ovelha merino, que é a mais nobre do mercado, na produção de calçados. Identificamos isso e decidimos trazer para o Brasil a ideia e desenvolver um tênis nacional”, revelou.

 

Tendências: