No varejo, 41,9% dos alimentos perecíveis são desperdiçados por vencimento

No varejo, 41,9% dos alimentos perecíveis são desperdiçados por vencimento

Sonia Racy

15 de junho de 2021 | 00h40

Foto: Ben Nelms/Reuters

Dado chocante da Associação Brasileira de Supermercados: 41,9% dos alimentos perecíveis deixam de ser consumidos por causa da… data de vencimento.  

 Por conta disso, o Fórum da Cadeia Nacional de Abastecimento montou amplo debate, quinta-feira, para discutir a introdução do conceito “best before” no Brasil, permitindo consumo fora da validade de certos alimentos “se estiverem com boa aparência”, diz João Dornellas, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos.   

A classificação já é utilizada em diversos países. 

 Cobertor curto 

 Deu certo a reclamação de lojistas do aeroporto de Guarulhos que ficaram de fora dos grupos de vacinação contra a covid-19, enquanto trabalhadores do transporte aéreo puderam se vacinar no mutirão montado em GRU. Também ficaram de fora funcionários de restaurantes e lanchonetes, do estacionamento, do hotel e das salas vip, além de despachantes de aeroportos.   

Serão vacinados na quinta e sexta-feira, segundo informa a prefeitura local. 

 Prática e teoria  

Em aula na USP, na última sexta-feira, o ministro Dias Toffoli ressaltou que o STF não pode permitir “o discurso de ódio, nem a incitação à violência ao tratar das atuais investigações na Corte sobre o tema”.  

 O curso Direito e Mídia é coordenado pelos professores Heleno Torres, Pierpaolo Bottini e pelo ministro Ricardo Lewandowski. 

Voz do mistério 

 Cleo Pires produziu seu primeiro podcast: A Febre de Kuru. Estrelado pela atriz e por Silverio Pereira, a trama remonta a história de José Ramos, considerado um dos primeiros serial killers da história. É o responsável por uma série de crimes conhecidos como Crimes Do Arvoredo – cometidos entre 1863 e 1864. 

 Reginaldo Faria, Lucélia Santos, Negra Li, Sérgio Mamberti e Arlindo Bezerra também fazem parte da produção, que estreou na plataforma Orelo. 

 Voz 2 

 E Gloria Pires estrela campanha sobre proteção à vida, Bradesco Vida e Previdência. 

 Na pista 

 Três festivais de música passarão a aceitar pagamento por criptomoedas: o Bananada, No Ar Coquetel Molotov e DoSol. Adotam o CryptoPass, montado com a Phonogram.me.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.