Em SP, Procon e ANP juntam-se para checar preço do diesel

Sonia Racy

05 Junho 2018 | 00h45

Equipes do Procon e da ANP trabalham juntas, a partir de hoje, na caça a práticas ilegais na venda do diesel em SP. Sairão da sede da agência, na zona Sul da cidade, para checar postos — e enviarão notificações a partir de denúncias recebidas dos consumidores.

O trabalho não é pouco. Em nota, ontem, o Procon contabilizou 1.429 denúncias que podem levar a multas – entre as mais de 4.200 recebidas desde 24 de maio.